MedPlantão

ACIDENTE VASCULAR ENCEFALICO ISQUEMICO

Publicado a 2 meses por Dr Hugo Semann Neto
CLíNICA MéDICA NEUROLOGIA
image

NIHNATIONAL INSTITUTE OF HEALTH

Descrição

Respostas e escalas

Pontuação

1A — Nível de consciência

0 — Alerta

 

1 — Sonolento

 

2 — Obnubilado

 

3 — Coma/não responsivo

 

1B — Perguntas de orientação
(mês e idade)

0 — Responde ambas corretamente

 

1 — Responde uma corretamente

 

2 — Nenhuma resposta correta

 

1C — Resposta a comandos
(abrir e fechar os olhos; depois, abrir e fechar a mão não parética)

0 — Executa ambas as tarefas corretamente

 

1 — Executa uma tarefa corretamente

 

2 — Não executa nenhuma tarefa

 

2 — Melhor olhar conjugado
(somente movimentos oculares horizontais são testados)

0 — Normal

 

1 — Paralisia parcial do olhar

 

2 — Paralisia completa do olhar

 

3 — Campos visuais
(quadrantes superiores e inferiores são testados mediante contagem dos dedos)

0 — Nenhum defeito no campo visual

 

1 — Hemianopsia parcial

 

2 — Hemianopsia completa

 

3 — Hemianopsia bilateral

 

4 — Paralisia facial
(mostrar os dentes e fechar
os olhos)

0 — Normal

 

1 — Paralisia facial leve

 

2 — Paralisia facial parcial
(paralisia facial central: parte inferior da face)

 

3 — Paralisia facial unilateral completa
(regiões superior e inferior da face)

 

5 — Função motora (braços)
a. Esquerdo

b. Direito
Braços estendidos a 90º (sentado) ou 45º (deitado) com palmas para baixo por 10 segundos

0 — Sem queda

 

1 — Queda antes dos 10 segundos

 

2 — Algum esforço contra a gravidade

 

3 — Nenhum esforço contra a gravidade

 

4 — Nenhum movimento

 

6 — Função motora (pernas)
a. Esquerda

b. Direita
Extensão a 30º na posição supina por 5 segundos

0 — Sem queda

 

1 — Queda antes dos 5 segundos

 

2 — Algum esforço contra a gravidade

 

3 — Nenhum esforço contra a gravidade

 

4 — Nenhum movimento

 

7 — Ataxia dos membros
(testes index-nariz e
calcanhar-joelho)

0 — Ausente

 

1 — Ataxia em um membro

 

2 — Ataxia nos dois membros

 

8 — Sensibilidade

(avaliar mímica facial ao beliscar ou a resposta de retirada ao estímulo doloroso e avaliar braços, pernas, tronco e face)

0 — Sem perda sensorial

 

1 — Perda sensorial leve a moderada

 

2 — Perda sensorial grave ou total

 

9 — Melhor linguagem*

0 — Normal

 

1 — Afasia leve a moderada

 

2 — Afasia grave

 

3 — Mudo (afasia global)

 

10 — Disartria*

0 — Normal

 

1 — Disartria leve a moderada

 

2 — Disartria grave

 

11 — Extinção ou desatenção
(anteriormente negligência)
Usar informações obtidas
nos testes anteriores

0 — Nenhuma anormalidade

 

1 — Desatenção visual, tátil, auditiva, espacial ou pessoal, ou extinção à estimulação simultânea em uma das modalidades sensoriais

 

2 — Profunda hemidesatenção ou hemidesatenção para mais de uma modalidade

 

Exames Diagnósticos

Admissão

  1. tomografia computadorizada (TC) de crânio (sem contraste) com o objetivo de afastar a possibilidade de um AVE hemorrágico e auxiliar o diagnóstico diferencial (p. ex., tumores, abscessos etc). 
  2. Laboratório: hemograma completo, glicemia (capilar e venosa), colesterol total e frações, ureia, creatinina, eletrólitos (sódio e potássio, principalmente), coagulograma (TAP, PTT e INR), gasometria arterial nos pacientes com prejuízo da ventilação/hipoxemia, CPK-MB e troponinas I e T (em casos selecionados em que haja suspeita de IAM associado). Em mulheres, pode ser necessário o β-HCG. Pacientes selecionados podem precisar de marcadores de função hepática e pesquisa de toxinas.
  3. Eletrocardiograma de 12 derivações (importante na pesquisa de IAM associado ou de alguma arritmia) 
  4. Radiografias de tórax.


investigação etiológica do AVEI.:

  1. arterial cervical, e na maioria dos casos cerebral, deve ser realizado com angiorressonância ou angiotomografia.
  2. O ecocardiograma deve ser feito em todos os pacientes para estudo da função cardíaca.